Tratamento da Varicocele

Tratamentos

Varicocele é uma condição que afeta o órgão sexual masculino, causando dilatação nas veias do escroto, como se fossem varizes no saco escrotal. Estudos apontam que esta condição atinja cerca de 20% dos homens.

Varicocele é uma condição genética caracterizada pela dilatação das veias do saco escrotal (local onde ficam os testículos) semelhante à varizes em outros locais do corpo, decorrente de uma insuficiência na drenagem de sangue desse órgão. Cerca de 20% dos homens são acometidos pela varicocele, mas nem todos apresentam problemas reprodutivos, por isso, assim que diagnosticada, o paciente deve realizar um espermograma para avaliar se a varicocele está alterando sua capacidade reprodutiva.

A varicocele é uma das principais causas da infertilidade masculina na atualidade. Entre as teorias que explicam a correlação entre a varicocele e a infertilidade masculina, estão:

– Hipóxia: Falta de oxigenação das células testiculares;

– Estresse oxidativo: quando há aumento na produção de radicais livres que, por sua vez, são tóxicos aos espermatozoides;

– Fragmentação do DNA do espermatozoide: causado pelo aumento da temperatura do testículo;

– Morte celular: também causada pelo aumento da temperatura testicular.

O diagnóstico da varicocele é realizado por meio de um exame físico detalhado no saco escrotal e também por ultrassom dos testículos. Quando diagnosticada como causa principal da infertilidade para o casal, a varicocele pode ser corrigida cirurgicamente por uma varicocelectomia (cirurgia com um corte na região da virilha e auxílio de um microscópio). Este procedimento melhora a qualidade do sêmen em 50-80% dos pacientes, sendo que 30-40% deles conseguirão atingir a gravidez naturalmente. Mesmo nos casos em que a gravidez não acontecer de maneira natural, a varicocelectomia também pode aumentar significativamente as chances de sucesso nos tratamentos de reprodução assistida.

 

Ainda tem alguma dúvida? Clique aqui e fale com a gente.

Gostou desse conteúdo? Clique aqui e curta nossa página no Facebook para acompanhar nosso conteúdo informativo.

Nota: por se tratar de fatores biológicos, físicos e individuais de cada paciente, a realização do tratamento não é garantia de gravidez.
Ainda tem duvida? Clique aqui e saiba mais.